Veja como iniciar uma rotina de investimentos e onde aplica-los!

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp
Share on telegram

Fazer o seu dinheiro trabalhar para você é a melhor escolha para construir patrimônio e conquistar segurança. Mas, para ter sucesso na tarefa, é essencial saber onde investir. Em vez de fazer como 65% dos investidores que ficam na poupança, é hora de buscar alternativas melhores. Isso significa pensar em questões como rentabilidade, prazo e riscos.

A boa notícia é que há muitas opções no mercado. Na renda fixa, é possível aproveitar regras para a remuneração no momento do investimento. Na variável, não há essas definições, mas os ganhos também podem ser maiores. No final, há boas opções para todos os estilos.

Quer descobrir onde investir para ter o melhor desempenho? Confira as nossas sugestões para dar os primeiros passos!

Certificado de Depósito Bancário (CDB)

O Certificado de Depósito Bancário é acessível e repleto de boas oportunidades. O título é emitido por bancos para captar recursos, que são usados em diversas operações. O investidor que aplica os valores recebe a rentabilidade em troca, que varia com o CDI e com a taxa de juros.

A duração varia com o contrato e há opções com liquidez diária, embora o melhor seja aplicar por mais tempo, graças à tabela regressiva do Imposto de Renda. É uma boa escolha de onde investir porque, além de tudo, tem garantia do Fundo Garantidor de Crédito (FGC) de R$ 1 milhão, por CPF.

Letra de Crédito Imobiliário (LCI) e do Agronegócio (LCA)

Já a Letra de Crédito Imobiliário (LCI) é emitida por instituições com aplicação no mercado de imóveis. A LCA, por sua vez, é voltada para o agronegócio. O rendimento é uma porcentagem do CDI e o melhor de escolhê-la é que é isenta de IR.

O desconto do título acontece apenas no final do prazo de investimento, mas não se preocupe, pois também há garantia do FGC.

Letra Financeira (LF)

A Letra Financeira (LF) é emitida pelas instituições que desejam captar recursos em longo prazo. Se você puder esperar mais que 24 meses, é uma boa decisão de onde investir, já que tem uma rentabilidade acima de outras opções.

O rendimento é negociado entre as partes e pode ter uma remuneração fixa ou baseada em um índice. O único destaque é que ela exige um valor um pouco maior como aplicação inicial.

Fundos de investimento

Sabia que também pode recorrer aos fundos de investimento? Ao buscar onde investir, vai notar que eles se destacam pela característica coletiva. Funcionam assim: cada participante investe um valor, conhecido como cota. Todas as cotas são movimentadas juntas, por um administrador profissional.

O resultado é que você tem uma gestão especializada e, é claro, a chance de ganhar mais. Ao mesmo tempo, os riscos são diluídos entre todos, o que é ótimo para aliar retorno e segurança.

Há um pagamento de taxa de administração, mas a tributação é diferente e cobrada até em um valor menor, em muitos casos. Para completar, há várias opções para aplicar os recursos. Conheça as principais!

Renda fixa

Se quiser ganhar mais na renda fixa ou mesmo diversificar sua carteira, os fundos de renda fixa são interessantes. Eles investem em títulos públicos e/ou privados e têm remuneração que é prefixada, pós-fixada ou atrelada a algum indicador. Não faltam opções!

Multimercado

Já pensou poder aplicar seus recursos em vários títulos ao mesmo tempo e obter retorno em todos eles? Com o fundo multimercado, é possível. Ele é ideal para diversificar a carteira, reduzir os riscos e maximizar os ganhos, com títulos nacionais e internacionais.

Ações

Ao pensar onde investir, os fundos de ações também merecem sua atenção. É a chance de aplicar em empresas, mas sem correr tantos riscos. Com a gestão profissional, vai ser possível aproveitar as melhores oportunidades do mercado de investimentos.

Cambial

Agora sim é a hora de falar de moeda estrangeira. Nos fundos cambiais, seu dinheiro é aplicado em moedas de outros países, com a expectativa de valorização. Quando o dólar ou o euro sobem, por exemplo, você ganha — e ainda protege o patrimônio dessas flutuações.

Investimento no exterior

Em busca de novos mares e oportunidades diferentes, o investimento no exterior surge como uma excelente proposta. Os valores aplicados seguem, em sua maioria, para moedas estrangeiras, ações de empresas internacionais e bonds. O ganho ainda acontece em outras moedas, o que o torna reforçado.

Imobiliário

Para aplicar em imóveis, é possível recorrer aos fundos imobiliários, que são uma opção acessível de onde investir no setor. Seu dinheiro será utilizado em todo tipo de empreendimento, dos edifícios residenciais a shoppings e grandes complexos. Também são vários os tipos de contratos: compra e venda, locação, arrendamento e por aí vai. É sinônimo de diversificação e retorno.

Afinal, onde investir?

Depois de considerar todas essas alternativas, é comum ficar na dúvida sobre qual é interessante. A verdade é que a resposta sobre onde aplicar não precisa ser única. Em vez disso, vale a pena buscar a combinação que faça sentido para o seu perfil e suas necessidades.

Se quiser maior proteção, os títulos de renda fixa com garantia do FGC são ideais, mas você também pode recorrer a um fundo desse tipo para complementar. Já se quiser maximizar os ganhos, fundos de renda variável, como de ações, são recomendados. Para diversificar, deixe um pouco do dinheiro na renda fixa para reduzir os riscos.

Então, o truque é simples: avalie o quanto possui, onde está e onde pretende chegar. Com isso, é possível criar a carteira perfeita para a sua situação!

Ao saber onde investir, você tem a chance de aproveitar melhor os seus recursos e obter a rentabilidade desejada. Basta considerar aquelas opções que se encaixam em sua vida e nas finanças e começar a aplicar!

Se quiser a melhor parceria em busca de um patrimônio maior, venha investir com o BS2!

Posts Relacionados

Deixe o seu comentário abaixo

Siga a gente nas redes sociais

Posts mais lidos

Posts recentes