Dicas para não cair em golpes na internet

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on email
Share on whatsapp
Share on telegram

6 dicas do Banco BS2 para você se proteger contra fraudes online 

O Banco BS2 reuniu seis (6) dicas importantes para você não cair em golpes e fraudes na internet e, sobretudo, reforça o compromisso de manter suas informações financeiras seguras e protegidas. Contudo, existem etapas simples que você também pode seguir para se proteger de forma proativa. Por isso, ficar sempre atento e vigilante quanto à sua segurança online é essencial para se proteger contra criminosos cibernéticos.   
 
Confira as dicas do BS2! 

  1. CRIE SENHAS FORTES:  

Uma senha forte é de extrema importância para proteger suas contas online. Embora possa parecer cansativo criá-las, é vital ter em mente que as senhas costumam ser a primeira defesa contra os cibercriminosos. Eles protegem as informações pessoais, como contas bancárias, dados de saúde ou documentos privados, evitando que caiam em mãos erradas. Mas o que torna uma senha forte? Veja algumas dicas:  

  • Use uma senha / frase secreta por conta, especialmente aquelas que lidam com informações confidenciais ou financeiras. 
  • A complexidade é boa, mas o comprimento é fundamental. Sempre que puder use o comprimento de 8 ou mais caracteres de senha se for permitido pelo aplicativo.  
  • Evite palavras comuns como “senha” ou “usuário”, ou qualquer coisa que possa ser facilmente adivinhada como seu aniversário, ou sequências óbvias de letras ou números como “1234” ou “ABCD”.  
  • Seja criativo: É uma boa opção substituir algumas letras por espaços, números ou caracteres especiais – por exemplo, @ substitui um “A” ou $ substitui um “S” – pode ajudar a aumentar a força de sua senha. Mas não confie em substituições óbvias, preferindo substituir um “o” por um “0” – por exemplo, “H0use” em vez de “House”. 
  1. MANTENHA AS SUAS INFORMAÇÕES BANCÁRIAS ONLINE SEGURAS 

Conforme a tecnologia continua evoluindo, o mesmo acontece com as potenciais ameaças. Aqui estão algumas dicas para ajudar a garantir uma experiência online segura e protegida: 

  • Se um site não parecer válido, jogue pelo seguro. Não entre nem insira nenhuma informação pessoal. Na dúvida entre em contato através dos canais oficiais da loja. 
  • Nunca faça login em um banco online usando um link enviado por e-mail, mensagem de texto ou mídia social. Em vez disso, digite o endereço em seu navegador.  
  • NUNCA revele suas informações de login a ninguém, mesmo que afirme ser um representante, gerente, vendedor. 
  • SEMPRE use um computador confiável. Nunca use Wi-Fi público para atividades bancárias. 
  1. EVITE O WI-FI PÚBLICO 

O Wi-Fi público é conveniente, mas essa conveniência traz riscos de segurança. Os criminosos podem interceptar qualquer informação que você enviar ao usar uma rede de Wi-Fi pública, como senhas ou informações bancárias online. Não presuma que tudo o que você envia por redes Wi-Fi gratuitas é privado ou seguro, mesmo se estiver usando seu próprio dispositivo. 

  • Evite fazer login em qualquer conta com informações privadas ou confidenciais enquanto estiver em uma rede Wi-Fi pública. 
  • Esteja ciente de quem está ao seu redor e quem pode estar olhando por cima do seu ombro para ver o que você está fazendo. 
     
  • Lembre-se de que usar uma conexão Wi-Fi segura não significa que você não deve tomar outras precauções de segurança online. 
  1. FIQUE ATENTO AO FAZER COMPRAS ONLINE 

As compras online são convenientes, mas não devem prejudicar a segurança. Aqui estão algumas dicas para ajudar a fazer compras online com segurança: 

Verifique a segurança do site que você está visitando. 

  • Procure o pequeno ícone de cadeado no lado esquerdo da barra de URL e certifique-se de que o site que você está visitando tem um endereço que começa com “https”. Isso não é uma garantia de que o site é seguro, mas se esses indicadores não estiverem lá, tenha cuidado.  

Leia as avaliações online antes de comprar. 

  • Leia as avaliações dos varejistas dos quais você está pensando em comprar e certifique-se de que eles são empresas legítimas e confiáveis. 
  1. MANTENHA SEU E-MAIL SEGURO 

E-mail é uma das maneiras mais fáceis de os criminosos atacarem você, mas existem maneiras de reduzir o risco. Aqui estão algumas dicas: 

  • Compartilhar informações pessoais ou financeiras por e-mail não é recomendado. Não poste seu endereço de e-mail em fóruns públicos nem forneça seu endereço de e-mail para sites em que você não confia. 
  • Qualquer e-mail não criptografado não é seguro. Você deve assumir que tudo o que foi enviado por e-mail não criptografado pode ser comprometido. 
  • Nunca clique em um link desconhecido ou abra um anexo que você não esperava, especialmente se for de alguém que você não conhece. Saiba mais sobre como identificar golpes de Phishing, smishing ou vishing.  
  • Não responda a e-mails que você não conhece a origem e nem clique nos botões de cancelamento de assinatura desses e-mails. Isso pode ser um golpe que irá notificar os criminosos de que seu endereço de e-mail está ativo e que eles podem usá-los. 
  1. PROTEJA-SE NAS REDES SOCIAIS 

Muitas pessoas associam o crime cibernético com algo maior e bem mais elaborado contra computadores, mas grande parte das fraudes vem de criminosos reunindo informações sobre usuários de várias redes sociais – como seu nome, data de nascimento, localização e até mesmo seus dados bancários. Aqui estão algumas maneiras de manter sua conta da rede social segura: 

  • Não aceite pedidos de amizade de pessoas que você não conhece. Isso pode deixá-lo vulnerável a golpes de Phishing que podem revelar suas informações pessoais. 
  • Nunca compartilhe informações pessoais ou bancárias em plataformas das redes sociais, mesmo em mensagens privadas. As plataformas das redes sociais podem não ser seguras e as pessoas podem não ser quem dizem ser. 
  • Controle suas configurações de privacidadeAs plataformas das redes sociais permitem que você escolha quais informações você revela aos amigos e ao público. Certifique-se de ter um conhecimento firme de quais informações são públicas e atualize suas configurações de privacidade com frequência. 
  • Limite as informações que você compartilha em plataformas sociais. Mesmo que as configurações de privacidade em suas contas estejam ativadas, tente limitar o que você compartilha online. Por exemplo, compartilhar sua localização durante as férias pode deixá-lo vulnerável a roubos. E compartilhar detalhes sobre seu trabalho publicamente pode deixá-lo vulnerável a um ataque de Phishing. 

O Banco BS2 reforça o compromisso de manter suas informações financeiras seguras e protegidas de golpes e fraudes.  

Posts Relacionados

Deixe o seu comentário abaixo

Siga a gente nas redes sociais

Posts mais lidos

Posts recentes